FILME


SERTÃO EM FESTA (1970)



Estrelado por Tião Carreiro e Pardinho, Simplício, Saracura, Nhá Barbina, Francisco Di Franco, Marlene Costa e Clenira Michel , com músicas de Tião Carreiro e Pardinho, Duo Glacial, Mariazinha e Zenilton, Luiz Gomes e os Catireiros de Sorocaba/Piracicaba, direção de produção Sergio Ricci, assistente de direção Enzo Barone, roteiro Osvaldo de Oliveira e Enzo Barone, estória original de Cornélio Pires, dirigido por Osvaldo de Oliveira, ano 1970.

Sinópse

Simplício vive feliz em seu sítio com a família. Arlindo, seu filho mais velho, terminados os estudos de Engenharia na Capital, volta à casa, levando consigo um amigo corretor de imóveis. Este descobre que as terras do sítio de Simplício contêm um lençol de petróleo e vende-o por uma verdadeira fortuna. Milionário, dono de mansão na capital, Simplício vai aos poucos se convencendo de que sua felicidade estava na vida simples e modesta que levava antes. Sua mulher e a irmã, em pouco tempo, caem no ridículo querendo se sofisticar; sua filha Luciana, que deixara um namorado firme no interior, deixa-se enganar pelos divertimentos da cidade grande e já não é a mesma moça recatada de antes. Isso tudo faz com que Simplício abandone a mansão e a família. Esta, para felicidade de Simplício, descobre, aos poucos, as falsidades da cidade e, um a um, retornam para sua companhia e a paz volta ao seu lar.

FICHA TÉCNICA (1970)



Título Original: Sertão em Festa
Data de Produção: 1970
País: Brasil
Cidade: São Paulo/SP
Data e Local de Lançamento: 1970 em São Paulo/SP
Categorias: Longa-metragem / Sonoro / Ficção / Comédia Rural / Musical
Película: 35mm
Cor: Colorido
Duração: 73 minutos
Idioma: Português
Companhias Produtoras: Serrador Companhia Cinematográfica; Servicine - Serviços Gerais de Cinema Ltda
Produção: Alfredo Palácios; Antônio Polo Galante
Companhia Distribuidora: Interfilmes
Argumento: Cornélio Pires
Autoria: Cornélio Pires
Roteirista: Enzo Barone; Osvaldo de Oliveira
Estória: Baseada na novela "Sacrificados", do livro "Meu Samburá" de Cornélio Pires
Direção: Osvaldo de Oliveira
Direção de Fotografia: Osvaldo de Oliveira
Técnico de Som: Raul; Vitale
Montagem: Sylvio Renoldi
Cenografia: Maria Ignes Silva
Figurinos: Maria Ignes Silva
Certificados: Certificado de Exibição Obrigatória 260, Rio de Janeiro, 08/04/1970; Certificado de Censura Federal 48802, 13/04/1970

ELENCO



Tião Carreiro
Pardinho
Simplício
Saracura
Nhá Barbina,
Francisco Di Franco
Marlene Costa
Clenira Michel
Egydio Éccio
Darcy Silva
Carlos Reichenbach Filho
Cavagnoli Neto
Cecília Rosa Thumin
Nhô Juca
Candinho
Letácio Camargo
Manuel Marques
Paulo Cezar
Duo Glacial
Mariazinha
Luiz Gomes
José Diniz e seus Peões
Catireiros de Sorocaba e Piracicaba

IMAGENS